Turismo em Minas Gerais | Rota das Doceiras da Lapinha

Foto por: Acervo Rota das Doceiras (@mercadinhodonaroxa)
Atualizado em: 05/02/2021

Rota das doceiras da Lapinha 

Lagoa Santa é uma região que encanta pelos pontos turísticos e sobremesas da cozinha mineira.

A sobremesa em Minas sempre tem um toque especial, são verdadeiros símbolos da nossa cozinha mineira

Na mesa um bom doce  de leite , ou uma compota com frutas típicas, doces cristalizados, ou até  na casadinha com o nosso tradicional queijo, os doces mineiros têm um espaço reservado no nosso paladar! 

Independente de onde a gente vá, os docinhos não podem faltar, e em cada lugar do estado há um sabor ou uma especificidade. Mas eu garanto que a diferença dos sabores, ou as peculiaridades no modo de fazer são verdadeiros convites a experimentar cada um deles.  

Uma história regada a sabor  

Um desses lugares que com certeza é símbolo da doçura que nos é característica é a região de Lapinha, em Lagoa Santa.  

A história das doceiras na lapinha atravessa gerações, mas foi com a inauguração da gruta da Lapinha nos anos 1970 que as senhoras dali começaram a comercializar os doces que faziam.  

Logo a atividade começou a garantir o sustento de diversas famílias e, em 2018, foi criada a rota das doceiras da lapinha, unindo o que há de melhor para se ver e saborear na região.  

Um Doce Atrativo 

Para quem já está começando a planejar as viagens por Minas, vale considerar a Lapinha e seus encantos.  

Situada no Circuito das Grutas, e  a cerca de 50 km de Belo Horizonte, é possível conhecer por ali, além da famosa Gruta da Lapinha, os sabores que conquistam todos os que por lá passam.   

Doces cristalizados e em caldas, geleias, pastas são só algumas das delícias que encontramos no local, sem esquecer, é claro, das histórias e do afeto das doceiras, verdadeiros tesouros da cozinha mineira.  

Aprecie Essa Experiência

A rota das doceiras está organizada em cerca de 10 atrativos, onde se pode conhecer, experimentar e assistir ao processo de preparação dos mais diversos doces, feitos com frutas e produtos da região, como mamão, figo, abóbora, leite e outros mais.  

Para conhecer mais sobre a experiência de visitar a região,  clique aqui  

E aí, aposto que deu água na boca e vontade de colocar o pé na estrada né?  

Sobre o Autor

Luís Carneiro

Mineiro dos pés à cabeça. Marketólogo. Turismólogo em formação, que ama ver, ouvir e escrever sobre as belezuras desse Brasil.

Comentários