Passar pelas ruas pequenas e gramadas, casinhas antigas e um povo simples e hospitaleiro faz desse roteiro uma inspiração para pensar no modo de vida moderno. Ao fundo, compondo o cenário mágico está o Pico do Itambé.

Quem opera:
Em Belo Horizonte:
■ Andarilho da Luz – Caminhadas
Ecológicas Terapêuticas
(31) 3494-2727
caminhadas@andarilhodaluz.com.br
www.andarilhodaluz.com.br
■Kopa Turismo
(31) 8743-7832/ 9730-4141
kopaturismo@gmail.com
www.kopaturismo.com.br
■ Bela Geraes
(31) 3718-7394/ 3718-7400
contato@belageraes.com.br
www.serradocipogeraes.com.br

Por onde você vai passar

Como dividir sua viagem

Dia 1

1º Dia – Capivari/ Cachoeira do Tempo Perdido
Café da manhã com quitandas e o legítimo queijo do Serro. Caminhada até a Cachoeira do Tempo Perdido, uma queda interessante onde o viajante pode ficar atrás de um vão amplo e de chão coberto com uma areia branca e fina. Retorno no fim do dia.
Opção: esse passeio também pode ser feito a cavalo.

Dia 2

2º Dia – Capivari/ Cachoeira dos Coqueiros
Caminhada durante todo o dia até a Cachoeira dos Coqueiros, um paredão negro e de águas claras como cristal. No caminho, vegetação típica do cerrado. Retorno no fim do dia.
Opção: esse passeio também pode ser feito a cavalo.

Dia 3

3º dia – Capivari/ Rio Jequitinhonha
Caminhada de Capivari até Três Barras. No caminho, parada para banhos e descanso nas cascatas e piscinas naturais do Rio Jequitinhonha. À tarde, retorno para Capivari. Visita ao Centro Comunitário e à Sala do Artesão. À noite, apresentação do Teatro Cantado de Capivari – Quatro Gerações.

Dia 4

4º Dia – Capivari/ Serro
Saída para a cidade do Serro para conhecer o rico patrimônio histórico-cultural do município com a produção do famoso Queijo do Serro, uma das mais saborosas variedades do queijo mineiro. Visita à Fazenda Engenho da Serra para conhecer a produção de queijo. Almoço em um casarão típico da região e à tarde, visitas às fazendas produtoras de cachaça.

Dia 5

5º Dia – São Gonçalo do Rio das Pedras/ Milho Verde
A próxima parada é no povoado de São Gonçalo do Rio das Pedras, lugar calmo e aconchegante. Ida à Pedra da Rapadura, onde há um rio subterrâneo com duas pequenas quedas d’água. Visita ao Casario Colonial.. Na parte da tarde, passeio às belas cachoeiras do Vilarejo de Milho Verde, antiga vila de mineração do período colonial, fundada em meados do século XIII.
Opção: O viajante ainda tem a oportunidade de fazer uma oficina de doces e quitandas na casa de moradores locais.

O que você vai ver.